segunda-feira, 8 de março de 2010

Opinião sobre a anulação

Minha opinião sobre a anulação que eu já espalhei por alguns blogs sobre o (v)exame de ordem:

"Eu estou indignado com a decisão da OAB!

Eu, sinceramente, perdi o ânimo de prestar a prova (terceira) para poder pegar a tão sonhada carteira de advogado.

Acho um absurdo eu ter de me submeter a tudo isso para poder trabalhar.


É por isso tudo que eu odeio a idéia de ter de me associar, obrigatoriamente, a essa associação profissional para poder exercer minha profissão.

Eu chego a ter nojo e vergonha de carregar uma carteira com o símbolo desta entidade falida, que há muito tempo não pode falar de lisura, idoneidade, moral e justiça, já que seus objetivos são sempre os mesmo, auferir cada vez mais lucro com as provas do exame de ordem, restringindo ao máximo o acesso dos bacháreis na profissão,, bem como garantindo a reserva de mercado ao anciãos que não tem a menor possibilidade de competir no mercado com os ingressantes na carreira, pois não tem vontade de se atualizar, apenas continuar agindo como faziam ao se tornarem "advogados".

Ademais, eu sendo inscrito na OAB como estagiário deveria ter essa entidade (ou associação profissional) me apoiando e me defendendo, não agindo contra o meu esforço.

A atitude da OAB é o reflexo do pensamento de seus conselheiros: FODAM-SE OS INGRESSANTES NA CARREIRA! Vamos defender o nosso mercado!

Por derradeiro, insta asseverar que a afirmação do conselho federal desta representativa associação de classe de que não haverá custos adicionais para a outra prova é cômica, pois só faltava me cobrarem uma nova taxa por um erro exclusivo deles! E, ainda assim, eu gostaria mesmo de não ter mais nenhum gasto, mas terei o deslocamento, compra de água, de alguma coisa para comer durante a prova, fora o fator emocional que isso nem tem como mensurar...

Só me resta (e aos demais prejudicados) ingressar com uma ação indenizatória para ao menos mostrar a essa Ordem que não foram em vão os 5 anos de estudo!"

Espero que essa OABosta não invente mais nada nessa nova prova!

Bjaum

8 comentários:

Amiga do Cafa ( Celamar ) disse...

Sabia que assim que eu vi a notícia me lembrei de você ?
É muito chato o que aconteceu.
Não desista.
Como você mesmo disse, não pode jogar cinco anos no lixo.

Beijão

Sissym disse...

Ernani, vc se lembrou de mim e acabei de ver um post seu onde se sente muito chateado com as burocracias deste país.

Qual a área que pretende atuar?

Beijocas e TAVA MORRENDO DE SAUDADES!

Obrigada por vir me visitar!

Non je ne regrette rien: Ediney Santana disse...

um dia alguem escreveu que a OAB é igual a ONU não não serve para nada, mas creio que vc poderia compra-la a UNE também, sua unica especilização é fazer carteirinhas , MAS PENSANDO bem todos os estudantes deveriam entrar com uma ação coletiva pedindo que não fosse mais necessário a carteira da OAB para advogar

Amiga do Cafa ( Celamar ) disse...

Não deixe que fatores externos façam você desistir do que deseja.
Persista.
Obrigada.
Beijão

Natália disse...

Ai, sabe que eu tb ando revoltada com o CRP.....

Mosana disse...

Oi, vai ter um encontro de blogueiros em Sampa! Quero muito que você vá! Vai lá no blog e dá uma olhada!! Kisses

wloliveira disse...

Caro colega, sua alegação está completamente equivocada. Não se pode tratar a OAB como foi tratada por você. Se você não quer se "associar", basta não prestar o exame, e a Ordem estará livre de pessoas como você que enxergam, de forma obtusa, uma das mais dignas profissões que existe neste país, e que é defendida e representada por um órgão que se traduz em um dos pilares da democracia e que muito lutou por isso. Nossa profissão está muito desgastada por conta de maus profissionais, se não existisse o exame, a situação seria muito pior. Assim, aconselho a esfriar a cabeça, realizar seu exame e ingressar na ordem, e tenha orgulho de exibir sua carteira, e mais, venha participar da OAB para que, ao conhecê-la, mude sua opinião, que mais uma vez, insisto, é devéras equivocada.

J. Araújo disse...

É meu amigo, existem certas associações que seriam melhor se não existisse. Essa associação está mais para a desordem.

Na verdade seus dirigentes estão mais preocupados em aparecer e usar a entidade como moeda de troca. Como vc disse essa tal de OAbosta não tem moral. Com certez, já foi um entidade respeitada.

Ficou e está tão desacreditada como a classe políca. Também se formos olhar, veja quantos advogados estão ocupando o Congresso e o Senado. Vai esperar o que de uma classe dessa.

abraço